Festival de Inverno no paraíso

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someonePrint this page

Nós acreditamos e cumprimos a premissa máxima da vida que se o lugar é bom, temos que voltar. Sendo assim, lá fomos nós pela segunda vez ao Hotel Fazenda Cheiro Verde, mais uma vez para viver momentos únicos!

Assim como na primeira vez, quando chegamos à cidade de Mercês, fizemos uma pausa estratégica no Bar Bistrô Meia Lua pra tomar alguns chopps artesanais da Antuérpia, que são deliciosos, e beliscarmos alguns aperitivos. Dali seguimos para o hotel para fazer nosso check-in e iniciarmos nossos momentos de paz.

Cheiro Verde, sinônimo de paz

Desta vez ficamos em um quarto ainda maior e mais reservado, perfeito para aquelas manhãs de domingo que você quer dormir até cansar… rsrs… e na última noite, tivemos a satisfação de sentir um pouquinho de como é se hospedar em um dos deliciosos e concorridos bangalôs do hotel.

Nosso quarto, espaçoso e muito silencioso

O maravilhoso bangalô

Por todos os ângulos

Os quartos são muito confortáveis, mas os bangalôs… ah, são maravilhosos! Enormes, com varanda particular, rede, ducha, banheira, lareira, um banheiro lindo e uma vista encantadora para a imensidão verde da região.

“Estou até agora estou boquiaberta com o quarto, e confesso que foi um custo pra sair de lá! Kkkk…” – Lu.

Além de curtir todas as delícias que já conhecemos na Cheiro Verde, voltamos para experimentar uma gostosa novidade que acontece durante os meses de junho, julho e agosto, o Festival de Inverno.

Entre o almoço e o jantar, aquele delicioso cantinho mineiro

E que comece o festival de foundues!

Vinho, foundue e amor

Nessa gostosa época que o friozinho invade a cena, as sextas-feiras do hotel são embaladas pelo festival de foundues, e no sábado a festança é agitada pelo Arraiá da Cheiro Verde, o que nós amamos pouco neh!? Rsrs…

A noite de sexta foi perfeita com os fondues! Imagine um jantar especial com fondues de queijo, carne e chocolate?! Simplesmente maravilhosos! E ainda tínhamos o tradicional fogão à lenha do restaurante repleto de coisa gostosa pra saborear e uma mesa de doces perfeita.

A tradicional fartura no almoço e no jantar

A noite foi embalada por algumas (várias) garrafas de vinho, e cada segundo daquele jantar merecia um brinde especial.

Acordamos querendo que o mundo tivesse acabado, tamanha era nossa ressaca! Kkkk… Levantamos beeem devagar e nos arrastamos até o restaurante para um café da manhã fabuloso e revigorante! Café, suco detox e uma dose de vergonha na cara, tudo que precisávamos ali ao nosso alcance! Rsrs…

No café da manhã, inúmeras opções

Mas acredite, o lugar pede uma boa bebida e vários brindes!

O sábado estava bem friozinho, por isso aproveitamos para passar o dia curtindo as comidinhas, descansarmos e nos prepararmos para o Arraiá de logo mais.

O clima frio nos afastou da piscina

Mas não dos drinks e comidinhas à beira dela

E realmente foi um Arraiá! Teve brincadeiras típicas, canjica, milho, arroz doce, cachorro quente, caldos variados e deliciosos, doces típicos, banda ao vivo… teve até casamento na roça! Teve bom demais!

Nós que não somos bobos (só parecemos… rsrs…) aproveitamos e caímos na festança junina! Experimentamos de tudo, participamos das brincadeiras e entramos na roda pra dançar! Que noite animada!

Sábado teve noite de Arraiá

Com vestimenta à caráter

Muita comida típica pra esquentar o arraiá

Domingo acordamos cedo e prontos pra conhecer a recém inaugurada fazendinha. O espaço tem cavalo, galinha, porco, diversas aves, enfim, um ambiente perfeito para alegrar qualquer criança e os adultos também. Fizemos muitos amigos por la! Rsrs…

“Não ia comentar, mas… depois paramos na área de jogos pra jogarmos ping-pong e totó, e claro, Lu perdeu em todos! Rsrs…” – Mateus.

Mas a resposta veio logo em seguida. Voltando para o restaurante fomos surpreendidos com algumas cartelas de bingo para jogarmos. Aí a Lu mostrou seu valor e ganhou!

O nosso domingo ainda teve um almoço delicioso, daqueles que só a Cheiro Verde consegue oferecer, e uma tarde de Copa do Mundo, onde assistimos o jogo da Seleção Brasileira.

A noite de domingo foi reservada para experimentarmos algumas pizzas deliciosas e fecharmos nossa segunda passagem por esse paraíso de forma perfeita!

Domingo pede pizza

Fomos então curtir o bangalô antes de voltarmos para nossa realidade em BH. Na manhã seguinte, malas prontas, café da manhã tomado, um até breve para toda a equipe do Hotel Fazenda que nos trataram mais uma vez com muito carinho e partimos de volta pra casa.

A vontade era de morar nesse paraíso…

Não temos palavras pra agradecer por tudo que vivemos lá e todos os amigos que fizemos. Um lugar mágico, encantador, construído por pessoas que acreditam em um sonho e o realizam com alma. Amamos todos vocês!

 

Luiza e Mateus

www.casamil.com.br

Estivemos no Hotel Fazenda Cheiro Verde entre os dias 15 e 18 de junho de 2018. O Casal Mil se hospedou a convite do hotel, mas todas as opiniões aqui relatadas são isentas e imparciais, o que reflete  nossa real experiência.

Veja também:

+ A encantadora do Vale

+ Vale conhecer, em Igarapé

+ Noite do Jantar Holandês

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someonePrint this page

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *